Anestesia e aumento de peso: Existe uma conexão? Descubra os fatos e as considerações importantes

Anestesia e aumento de peso: Não há evidências científicas sólidas que estabeleçam uma relação direta entre a anestesia e o aumento de peso a longo prazo.
A anestesia é um procedimento essencial em cirurgias e outros procedimentos médicos, garantindo que os pacientes fiquem confortáveis e sem dor durante o processo. No entanto, existem preocupações e especulações de que a anestesia possa estar relacionada ao aumento de peso em alguns pacientes. Neste blog, vamos explorar essa questão e analisar os fatos científicos para entender se há uma conexão real entre a anestesia e o aumento de peso.  

A relação entre anestesia e aumento de peso: Os fatos científicos

Embora algumas pessoas afirmem que a anestesia pode levar ao ganho de peso, é importante observar que a literatura científica não fornece evidências sólidas que sustentem essa relação direta. Vamos examinar os seguintes pontos para entender melhor essa questão:  
  1. Metabolismo basal e mudanças na taxa metabólica
Durante a anestesia geral, o metabolismo basal pode ser afetado temporariamente. No entanto, essas alterações geralmente são de curto prazo e normalmente retornam ao normal após a recuperação da anestesia. Estudos têm mostrado que a anestesia geral não causa uma diminuição significativa no metabolismo basal a longo prazo, o que indica que não há um impacto direto na taxa metabólica que poderia levar ao aumento de peso.  
  1. Restrição alimentar pré-operatória
Antes de um procedimento que requer anestesia, é comum que os pacientes sejam instruídos a fazer jejum por um determinado período de tempo. Essa restrição alimentar pré-operatória pode levar a uma diminuição temporária no peso corporal, mas não está relacionada ao ganho de peso após o procedimento anestésico. O peso perdido durante o jejum pré-operatório geralmente é recuperado assim que a alimentação normal é retomada.  
  1. Comportamento alimentar pós-operatório
Após uma cirurgia ou procedimento que envolve anestesia, os pacientes podem experimentar alterações temporárias no apetite e nos hábitos alimentares. Alguns pacientes podem ter uma diminuição temporária do apetite ou dificuldade para comer devido à dor, desconforto ou efeitos colaterais da medicação pós-operatória. Esses fatores podem levar a uma redução temporária na ingestão de alimentos, mas novamente não há evidências científicas que relacionem diretamente a anestesia ao aumento de peso a longo prazo.  

Considerações importantes antes e após a anestesia

Embora não haja uma conexão direta entre a anestesia e o aumento de peso, existem algumas considerações importantes a serem feitas antes e após um procedimento anestésico para garantir uma recuperação saudável:  
  1. Siga as instruções pré-operatórias: É importante seguir todas as instruções fornecidas pela equipe médica antes do procedimento, incluindo restrições alimentares, jejum e suspensão de certos medicamentos, quando necessário.
 
  1. Recuperação adequada: Durante a recuperação pós-operatória, siga as orientações médicas em relação à alimentação e atividade física. Uma dieta equilibrada e a retomada gradual das atividades físicas podem ajudar a manter um estilo de vida saudável.
 
  1. Comunique-se com a equipe médica: Se você tiver alguma preocupação ou dúvida sobre o peso ou qualquer outro aspecto relacionado à anestesia, não hesite em conversar com sua equipe médica. Eles poderão fornecer informações personalizadas e tranquilizá-lo(a) com relação aos seus cuidados.
 

O que sabemos até o momento

Não há evidências científicas sólidas que estabeleçam uma relação direta entre a anestesia e o aumento de peso a longo prazo. Embora a anestesia possa ter efeitos temporários no metabolismo e no comportamento alimentar, essas alterações não parecem ter um impacto significativo no peso corporal a longo prazo. No entanto, é importante seguir as orientações médicas antes e após a anestesia para garantir uma recuperação adequada e manter um estilo de vida saudável.  

Referências bibliográficas:

  1. Hedén P, et al. Preoperative fasting guidelines: an update. Acta Anaesthesiol Scand. 2010;54(4):394-400.
  2. Li J, et al. Impact of anesthetic management on surgical site infections: an update. J Clin Med. 2019;8(5):657.
  3. Lobo DN, et al. Peri-operative fasting in adults and children: guidelines from the European Society of Anaesthesiology. Eur J Anaesthesiol. 2011;28(8):556-569.
  4. Myles PS, et al. The influence of obesity on anaesthesia and outcome. Anaesth Intensive Care. 2006;34(2):209-223.
  5. Patel JN, et al. Effects of anesthetic agents on mitochondrial function: relevance to perioperative neuroprotection. Br J Anaesth. 2016;117(3):295-311.

Avaliação pré-anestésica

Garanta sua tranquilidade na cirurgia. Agende já sua consulta pré-anestésica com o Prof. Dr. Ivan Vargas. Avaliação Presencial ou online!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *